(11) 4232-1155 rene@celtacontabil.com.br
Notícias

COMUNICADO IMPORTANTE

Carga tributária terá de ser discriminada na nota fiscal.

 

A partir de 10 de Junho começa a valer a obrigatoriedade de discriminar, nas notas fiscais, a carga tributária sobre produtos e serviços. O valor correspondente aos tributos deverá considerar a soma de impostos municipais, estaduais e federais. Serão informados IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), ISS (Impostos sobre Serviços), PIS/ Pasep (Programa de Integração Social/Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público), Cofins (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social), IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), contribuições previdenciárias e,em alguns casos, II (Imposto de Importação), PIS/Pasep-Importação e Cofins-Importação. Já o IR (Imposto de Renda) e a CSLL (Contribuição Social sobre Lucro Líquido) não serão incluídos na conta.

 

A cifra poderá ser aproximada, de acordo com a legislação. Para chegar a ela, as empresas poderão usar sistema próprio ou encomendar estudo a institutos de renome nacional — neste caso, será necessária revisão semestral.

 

A iniciativa tem méritos, amplamente reconhecidos, por garantir mais informações aos consumidores, um avanço nos processos de transparência. Contudo, há um consenso: a nova obrigação amplia os custos das empresas e, portanto, diminui sua competitividade. Afinal, além de ter carga tributária pesada, o Brasil tem arcabouço legal muito complicado, e o excesso de obrigações fiscais põe o país no topo do ranking global de tempo gasto neste tipo de processo.

 


Multas: Empresas que não cumprirem a obrigação, estabelecida pela lei 12.741, ficarão sujeitas a multas e até interdição do estabelecimento, de acordo com o determinado pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC). Se a nota é considerada inábil, a penalidade pode chegar a 50% do valor da operação.

 

No setor privado o prazo de seis meses para adaptação, concedido quando da publicação da norma, de 8 de dezembro de 2012, é considerado curto demais.

 

 


Fonte: Fenacon: Brasil Econômico

A Celta Contábil

Fundada em novembro de 2000, sempre disposta em prestar serviços de alta qualidade, está com uma nova visão, viabilizar o pronto atendimento aos seus clientes, de forma que mantenha o nível de confiabilidade entre assessoria e empresa.

Como todo começo, tivemos dificuldades, porém, na atualidade contamos com sede própria, departamento jurídico e profissionais habilitados no desempenho de suas funções. Nossa missão: "Servir com excelência, alcançando o profissionalismo com o mais profundo carinho".

Envie Sua Mensagem

Ops... Preencha corretamente o formulário.
Obrigado! Seu contato foi encaminhada com sucesso.